8 métodos fáceis para não berrar com seus filhos

Eu tinha chegado ao meu limite. Meu filho de 2 anos tinha finalmente terminado com minha calma.

 

Foi um dia péssimo, no momento que ele se esperneava para arrumar seus brinquedos até o segundo momento que ele saiu chutando os moveis de casa.

 

A maioria de nós passamos por dias nos quais desejaremos entregar nossos filhos ao zoológico (o meu a com certeza se familiarizaria muito bem lá). Entretanto, eu não gosto de gritar e nem faria isso (colocar ele no zoológico? NÃO!).

Adoraria de deixar claro que é pelo motivo de que eu sei que gritaria não é bom para as pequenas e doces almas dos nossos filhos, porém eu odeio berrar, visto que me faz sentir como uma mãe malévola.

 

Há uma forma mais adequada e correta. Na realidade, eu vou revelar 8 formas mais sensatas. Aqui estão 8 coisas que você pode executar na próxima vez que seus filhos acabarem com sua paciência – sem gritaria.

 

  1. Seguir o Prometido

 

No momento em que você fala “Se você fizer isto mais uma vez…” mais vezes que você pode contabilizar, é momento de realizar o que você de fato prometeu e aplicar as consequências, mesmo que isto crie mais trabalheira para você.

 

  1. Colocar-se No Lugar Da criança

 

Tenha um pouco de altruísmo e veja as coisas do ponto de vista de seu pequenino. Ele certamente está tendo um dia sofrido assim como você.

 

  1. Indagar

 

Questione seus filhos sobre sua conduta. Veja se eles podem identificar uma maneira melhor de se portar lá para frente.

 

  1. Respirar

 

Encha os pulmões bastante e faça algumas respirações purificadoras. Transportar O2 para o cérebro permite raciocinar mais nitidamente.

 

  1. Contar nos dedos Até Dez

 

Parece estúpido, porém esse truque diminui suas batidas cardíacas e você pode raciocinar mais claramente.

 

  1. Escutar

 

Antes de determinar uma punição, questione ao seu filho o seu lado da história e escute verdadeiramente a sua resposta. Isso talvez pode lhe relaxar.

 

  1. Dar um passeio fora Casa

 

Ar leve faz bem à você e aos seus pequenos. Uma caminhada pode ser o diferencial entre um dia ruim e um dia gostoso e relaxante.

 

  1. Investir Na Seu Instrução Como Mãe

 

Você Se Sente Culpada Pelo Sua Atitude Depois de Uma Crise de Birras do Seu Filho? Eu igualmente me sentia dessa maneira e sei como dói no coração de uma mãe esse pensamento. Então, como sempre, indico bastante a leitura do Livro “Como Disciplinar E Acabar Com As Birras em 15 Dias”. Depois de ler esse livro me senti muito segura em minhas decisões, meu filho de 2 anos está me respeitando como nunca.

Leave a Reply